| CURSO DE CAPACITAÇÃO

CURSO DE CAPACITAÇÃO EM ELABORAÇÃO DE LAUDOS, RELATÓRIOS E PARECERES

JUSTIFICATIVA

O profissional que atua diretamente com a questão social necessita habilitar-se profissionalmente na elaboração de relatórios e pareceres sociojurídicos, em função das exigências dos setores público e privado e também do terceiro setor.

 

OBJETIVOS

Formar e instrumentalizar os participantes sobre os conceitos e as dimensões teórico-metodológicas e ético-políticas que envolvem a elaboração de relatórios, laudos e pareceres para os profissionais que atuam direta ou indiretamente no campo sociojurídico.

Possibilitar a reflexão dos instrumentais técnico-operativos utilizados no desempenho do trabalho profissional como instrumento de garantias de direito.

Discutir os instrumentos técnico-operativos, em especial o estudo e relatório sociais, a perícia e o laudo social.

 

PÚBLICO-ALVO

Assistentes sociais, psicólogos e demais profissionais que atuam nas esferas políticas, públicas, sociais, em ONGs, no setor privado e em demais setores e seguimentos que exigem a atuação do profissional que trabalha diretamente com as questões social e jurídica.

 

LOCAL

Av. Pompéia, 2094, Perdizes. São Paulo – SP (próximo à estação Vila Madalena do metrô).

 

CARGA HORÁRIA

40 horas.

 

COORDENAÇÃO

Ma. Flaviana Aparecida de Mello

 

METODOLOGIA

Aulas expositivas com exercícios práticos e referências teóricas acerca dos temas que serão ministrados em cada aula.

 

CONTEÚDO

– O Estudo Social enquanto:

forma de conhecimento crítico das diversas expressões da questão;

parte de uma metodologia de trabalho de domínio específico e exclusivo do assistente social;

método investigativo;

interpretação de dados a serem obtidos a partir de referenciais teóricos e emissão de opinião técnica.

 

– O relatório como um dos documentos específicos de elaboração do assistente social

Objetivo: apresentar, de maneira descritiva, uma determinada expressão da questão social no cotidiano profissional.

 

– Perícia Social: percurso técnico-operativo do assistente social.

Processo em que o assistente social realiza o exame de situações sociais.

Instrumento privativo do assistente social.

Instrumento tradicional de utilização das instâncias judiciárias.

 

– A importância do relatório social seguido de parecer social

Análise da situação, que deve ser referenciada e relatada socialmente, pautada nos fundamentos teórico-metodológico, ético e técnico-operativos que são inerentes ao Serviço Social.

Objetivo do parecer como parte conclusiva do relatório social: oferecer a opinião fundamentada do assistente social sobre a situação estudada.

 

– Noções de redação

Nova ortografia, construção de parágrafos, organização textual, verbos de ação:, coesão e coerência textual, elaboração de textos, norma culta da língua portuguesa.